Ir para conteúdo

Apreensões de cocaína aumentaram 211% em 2019 no Porto de Paranaguá, diz Receita Federal

BALANÇO 2019 COCAINA PARANAGUA
Ao todo, foram feitas 27 apreensões de cocaína no Porto de Paranaguá — Foto: Divulgação/RFB

O número de apreensões feitas pela Receita Federal no Porto de Paranaguá, no litoral do Paraná, aumentou 211% no ano passado, em relação a 2018. O balanço foi divulgado nesta quinta-feira (16).

Ao todo, 15,23 kg da droga foram apreendidos em 2019, contra 4,09 toneladas no ano anterior.

As apreensões no ano passado somaram 27. Em vinte delas, as drogas foram inseridas em contêineres sem o conhecimento do exportador, no método conhecido como rip-on ou rip-off.

Nas outras apreensões, a cocaína foi escondida no meio de cargas como compensados de madeira, bobinas de papel, frango congelado, amendoim, entre outras. Em uma das situações, a droga chegou a ser abandonada no pátio do porto.

Ainda a Receita, o montante apreendido no ano passado representa 26% do total apreendido em todo o Brasil no mesmo período, que foi de 57,15 toneladas.

Toda a cocaína apreendida foi encaminhada para a Polícia Federal, que tem como objetivo dar continuidade ao processo de investigação.

Cocaína apreendida em 2019 somou mais de 15 toneladas  — Foto: Receita Federal/Divulgação
Cocaína apreendida em 2019 somou mais de 15 toneladas — Foto: Receita Federal/Divulgação

FONTE G1 PARANÁ

lanofusco Ver tudo

Nasci em Nova Esperança-Pr. no dia 12/10/57, Meu primeiro diploma foi de datilografia com 12 anos de idade o que me possibilitou trabalhar em Cartório de Registro Civil, e escritório de contabilidade após terminar o segundo grau onde fiz curso de técnico em contabilidade. Com 17 anos, após uma concorrida seletiva, iniciei como locutor na Rádio Sociedade de Nova Esperança. Aos 20 anos trabalhei na Televisão Cultura de Maringá, logo em seguida passei no concurso do Banco do Brasil onde fiquei por sete anos e voltei aos meios de comunicação trabalhando em várias emissoras de Paranavaí, em Nova Londrina, Maringá e Curitiba. Agora, resolvi fazer esse site com intuito de ser mais participativo nas informações de interesse de todos brasileiros e brasileiras. Diante de tantos nomes e meios de comunicação existentes, não foi fácil decidir o nome para o site, tive que viajar com o pensamento no futuro e imaginar uma pessoa perguntando a outra: onde você viu essa notícia? e a resposta será Lá no Fusco. Espero que gostem desse meu novo trabalho. Conto com seus acessos, dicas e sugestões. Abraços do sempre amigo Edson Fusco

Deixe seu comentário

%d blogueiros gostam disto: