Ir para conteúdo

Voos comerciais totalizaram 19 embarques e 24 desembarques em Paranavaí

VOOS EM PVAI
Primeiro pouso no Aeroporto Edu Chaves aconteceu no dia 23 de outubro Foto: Arquivo DN/Fabiano Vaz Fracarolli
REINALDO SILVA
reinaldo@diariodonoroeste.com.br
No dia 23 de outubro pousava em Paranavaí o primeiro voo comercial vindo de Curitiba, dentro do programa Voe Paraná, do Governo do Estado. Pouco mais de um mês depois, até 25 de novembro, a empresa responsável pelo transporte aéreo entre as duas cidades contabilizou 19 embarque e 24 desembarques no Aeroporto Municipal Edu Chaves.
A abertura da rota ligando Paranavaí a Curitiba representa facilidade para quem precisa transitar entre as duas cidades. De acordo com o secretário municipal de Desenvolvimento Econômico e Turismo, Carlos Emanuel Rodrigues, os voos comerciais vão garantir mais investimentos ao município, gerando emprego e renda.
Ele disse que ainda é cedo para avaliar quais foram os impactos que os voos comerciais causaram sobre a economia de Paranavaí. “Estamos encaminhando para o final do ano e as atividades de desenvolvimento econômico que demandam viagens estão paralisando.” Mas a partir de janeiro de 2020 deverá ser possível “ter um panorama sobre os dados de desenvolvimento em favor do aeroporto”.
O secretário municipal de Infraestrutura, Renato Dultra, afirmou que todas as exigências foram cumpridas no sentido de tornar o aspecto estrutural do aeroporto viável para a realização dos voos.
Ele explicou que a pista de pouso requer nova pavimentação, mas a condição atual do asfalto não interfere na segurança da operação da aeronave. Segundo Dultra, já existe um projeto para a recuperação da malha asfáltica dentro do Aeroporto Edu Chaves. O momento é de espera pela liberação de recursos.
De qualquer maneira, a recuperação da pista só será necessária se Paranavaí receber aeronaves maiores, o que deverá ser realidade no futuro, quando a demanda por voos a Curitiba for maior do que a registrada até aqui.
O primeiro voo – com saída de Curitiba – teve único passageiro, o deputado estadual Sebastião Medeiros. Pouso e desembarque aconteceram próximo às 15 horas. Na ocasião, dezenas de pessoas foram até o aeroporto para ver de perto a retomada das atividades comerciais.
Além de Paranavaí, foram incluídas no programa Voe Paraná: Arapongas, Apucarana, Campo Mourão, Cianorte, Cornélio Procópio, Francisco Beltrão, Guaíra, Guarapuava, Paranaguá, Telêmaco Borba e União da Vitória.

Categorias

PARANAVAÍ

lanofusco Ver tudo

Nasci em Nova Esperança-Pr. no dia 12/10/57, Meu primeiro diploma foi de datilografia com 12 anos de idade o que me possibilitou trabalhar em Cartório de Registro Civil, e escritório de contabilidade após terminar o segundo grau onde fiz curso de técnico em contabilidade. Com 17 anos, após uma concorrida seletiva, iniciei como locutor na Rádio Sociedade de Nova Esperança. Aos 20 anos trabalhei na Televisão Cultura de Maringá, logo em seguida passei no concurso do Banco do Brasil onde fiquei por sete anos e voltei aos meios de comunicação trabalhando em várias emissoras de Paranavaí, em Nova Londrina, Maringá e Curitiba. Agora, resolvi fazer esse site com intuito de ser mais participativo nas informações de interesse de todos brasileiros e brasileiras. Diante de tantos nomes e meios de comunicação existentes, não foi fácil decidir o nome para o site, tive que viajar com o pensamento no futuro e imaginar uma pessoa perguntando a outra: onde você viu essa notícia? e a resposta será Lá no Fusco. Espero que gostem desse meu novo trabalho. Conto com seus acessos, dicas e sugestões. Abraços do sempre amigo Edson Fusco

Deixe seu comentário

%d blogueiros gostam disto: