Ir para conteúdo
Anúncios

Economia com reforma da Previdência deve cair para cerca de R$ 900 bi, estima secretário

FIM DO PRIMEIRO TURNO

O secretário de Previdência e Trabalho do governo Jair Bolsonaro, Rogério Marinho, reviu nesta sexta-feira (12) a estimativa de economia com a reforma da Previdência para cerca de R$ 900 bilhões num período de dez anos.

Quando o governo encaminhou o projeto da reforma para o Congresso, previa uma economia de R$ 1,236 trilhão em um período de dez anos.

A revisão foi feita após a conclusão, pela Câmara dos Deputados, da votação em primeiro turno do projeto. Durante a votação, que durou quatro dias, os deputados aprovaram quatro mudanças no texto que saiu da comissão especial criada para analisar o tema. A votação em segundo turno está prevista para se iniciar em 6 de agosto, após o recesso parlamentar (de 18 a 31 deste mês).

“Com as mudanças que foram feitas, nós estimamos que a economia ficará próxima a R$ 900 bilhões. A equipe já começa agora à noite a refinar esses cálculos”, disse Marinho em entrevista na Câmara. Segundo ele, a estimativa oficial deve ficar pronta em até seis dias.

Durante a tramitação na comissão especial, o texto já havia passado por mudanças e, com isso, a estimativa de economia caiu para cerca de R$ 990 bilhões, também em dez anos.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

AÇAI


As novas mudanças feitas pelo plenário da Câmara, portanto, devem reduzir a economia em mais R$ 100 bilhões, aproximadamente.

Votação

Marinho comentou ainda os quatro dias de votação do texto no plenário da Câmara. Para ele, o governo conseguiu convencer os deputados da importância de aprovar o texto.

Durante o processo, o governo federal liberou cerca de R$ 1,7 bilhão em emendas de parlamentares, recursos que serão aplicados em iniciativas de saúde nos municípios. A liberação foi uma contrapartida ao apoio de parlamentares ao projeto.

“O debate foi às vezes áspero, às vezes contundente, mas necessário”, disse Marinho. De acordo com ele, o projeto traz segurança jurídica e previsibilidade.

Estados e municípios

O secretário afirmou ainda que o governo mantém o apoio à proposta de incluir servidores estaduais e municipais na reforma da Previdência.

A inclusão de estados e municípios foi negociada durante todo o processo de tramitação do projeto na Câmara, mas não houve acordo.

A expectativa é de que isso ocorra quando o texto passar a ser analisado pelo Senado, etapa seguinte à votação do projeto em segundo turno na Câmara.

FONTE G1

 

Categorias

POLÍTICA

Anúncios

lanofusco Ver tudo

Nasci em Nova Esperança-Pr. no dia 12/10/57, Meu primeiro diploma foi de datilografia com 12 anos de idade o que me possibilitou trabalhar em Cartório de Registro Civil, e escritório de contabilidade após terminar o segundo grau onde fiz curso de técnico em contabilidade. Com 17 anos, após uma concorrida seletiva, iniciei como locutor na Rádio Sociedade de Nova Esperança. Aos 20 anos trabalhei na Televisão Cultura de Maringá, logo em seguida passei no concurso do Banco do Brasil onde fiquei por sete anos e voltei aos meios de comunicação trabalhando em várias emissoras de Paranavaí, em Nova Londrina, Maringá e Curitiba. Agora, resolvi fazer esse site com intuito de ser mais participativo nas informações de interesse de todos brasileiros e brasileiras. Diante de tantos nomes e meios de comunicação existentes, não foi fácil decidir o nome para o site, tive que viajar com o pensamento no futuro e imaginar uma pessoa perguntando a outra: onde você viu essa notícia? e a resposta será Lá no Fusco. Espero que gostem desse meu novo trabalho. Conto com seus acessos, dicas e sugestões. Abraços do sempre amigo Edson Fusco

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: